Quarta-feira, 4 de Maio de 2011

Propaganda Eleitoral na Ajuda Externa a Portugal

José Sócrates, ladeado por Teixeira dos Santos, anunciou ontem ao País a conclusão das negociações entre o Governo e a troika do FMI, BCE e UE com vista à obtenção de ajuda externa para Portugal.

 

Depois de muito se especular sobre o montante que iria ser emprestado a Portugal, ficou-se efectivamente a saber que o montante da ajuda externa é de €: 78 mil milhões de euros.

 

Mas o que mais irrritou foi a atitude folclórica e de pura propaganda eleitoral patenteada por José Sócrates aquando do anúncio ao País da conclusão das negociações com a troika.

 

Com a jactância e a fanfarronice que lhe são conhecidas José Sócrates começou por dizer que o acordo feito entre Portugal e a troika era um bom acordo para o País, que as condições eram boas, e que ficou provado que foi um erro o Parlamento ter chumbado o PEC IV.

 

Disse ainda José Sócrates que não vão haver cortes nas pensões mais baixas, e que as que levarão cortes são as pensões iguais ou superiores a €: 1.500,00. Não irão haver despedimentos na função pública. Os subsídios de férias e de Natal iriam ser pagos. Não iriam ser introduzidas mais medidas de austerirade com vista à execução orçamental para o corrente ano. Foi alargado em mais um ano a redução do défice para 3%, imposto pelo Pacto de Estabilidade e Crescimento para os Países pertencentes ao Euro. Que o défice neste ano se ficaria em 5,6%, no próximo ano seria de 4,3% e, finalmente em 2013 seria atingida a meta dos 3%.

 

José Sócrates apenas anunciou as medidas que não iriam ser aplicadas, visto a troika não ter exigido a sua aplicação. Não teve porém a coragem de dizer aos portugueses quais as medidas exigidas pela troika, medidas essas que, já se sabe, serão dolorosas e afectarão o bolso de todos  nós.

 

Foi pois um espectáculo de pura propaganda eleitoral aquele que foi efectuado por José Sócrates. É algo a que, infelizmente, já estamos habituados, e que certamente nos iremos continuar a assistir, visto que infelizmente não existem alternativas de Governo válidas e credíveis a este Governo. Assistimos pois a um verdadeiro número de circo, protagonizado por um palhaço de péssima categoria.

publicado por novadireita às 10:37
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

16
17
18
19
20
21

23
25
26
27
28

29
30


.posts recentes

. Revisão de Feriados

. Mais Atrasos nos Pagament...

. Arquivada Queixa-Crime Co...

. Doutor Manuel Monteiro

. Rei Ghob - E Agora Senhor...

. Terrorista Impune

. Congresso do PSD - Mais D...

. Combustíveis Voltam a Aum...

. 11 de Março de 1975; 37 A...

. Paragem Carnavalesca

.arquivos

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

blogs SAPO

.subscrever feeds